sexta-feira, dezembro 15, 2006

Rosa de Hiroshima - Vinícios de Moraes


Pensem nas crianças
Mudas telepáticas
Pensem nas meninas
Cegas inexatas
Pensem nas mulheres
Rotas alteradas
Pensem nas feridas
Como rosas cálidas
Mas ,oh, não se esqueçam
Da rosa da rosa
Da rosa de hiroshima
A rosa hereditária
A rosa radiotiva
Estúpida e inválida
a rosa com cirrose
A rosa anti-atômica
Sem cor sem perfume
Sem rosa sem nada.

3 comentários:

Rafael disse...

Mto bom o Rosa de Hiroshima! Conhecidíssimo tb!
Com certeza o Vinícius de Moraes sempre fará mta falta na nossa literatura!

esthefany disse...

esse poema eh lindo
me gusta o tema de guerras
principalmente da segunda guerra mundial
massa felicidade poderia entrar aqui
pois nem tudo eh soh tristeza
afinal
vc esta vivo
e isso eh uma enorme alegria
pois vcfaz parte da minha vida



te adoro
te amo

suzana disse...

Lindo poema!
Vinicius realmente era um grande poeta